Certa vez, no Arraial...


O absinto queima vorazmente, impõe sua presença quando lança nos ares um perfume etílico e nos envolve com delicadas tonalidades e texturas. A combustão ameniza a graduação alcoólica, procura domesticar o que a própria chama prenuncia. Em breve tudo estará imerso nesse mundo outro de sonho e sensação.

Um comentário:

Carlos Avelin disse...

Fundamental pra enfrentar esse 2017 que promete!